Arquivo do mês: fevereiro 2014

Carregar a chama

Por Diego Moura Momentos antes de morrer, o pai entrega um revólver a seu filho e diz: “você deve carregar a chama”. O filme é A estrada (The road, 2009), no qual em um mundo onde a humanidade sucumbiu poucas … Continuar lendo

| Deixe um comentário

Não há borboleta alguma [parte 2]

Por Diego Moura Desabou. O único aviso fora o trovão. A chuva grossa, que empapa roupas, ossos e alma, parecia que nunca mais ia acabar. Resolveu abrir o guarda-chuva. Revirou a bolsa com a agilidade que o mau tempo permitia … Continuar lendo

| 1 Comentário

Não há borboleta alguma [parte 1]

Por Diego Moura Convencera-se há muito de que não há borboleta alguma. E essa linha de raciocínio se confirmava com a única entidade voadora que atravessara a esquadria de alumínio: um moscão azul. Ou seria verde? “Esse suposto daltonismo continua … Continuar lendo

| 1 Comentário