Dilma Rousseff eleita presidente do Brasil

Com mais de 85% das urnas apuradas, a candidata do PT Dilma Rousseff está eleita. Esse é um momento histórico para o país, pois temos a primeira mulher na presidência.

Votei em Dilma e considero que a eleição de Serra representaria um retrocesso aos avanços conseguidos por Lula. O candidato do PSDB seria uma ameaça principalmente à liberdade de expressão (basta ver os casos de Heródoto Barbeiro e Gabriel Priolli, da TV Cultura e Maria Rita Kehl, demitida do Estadão). Quem critica a regulamentação da atividade jornalística não é contra a liberdade de expressão, mas quem “pede a cabeça” de jornalistas sim.

Apesar das investidas do "imparcial" partido midiático, Dilma Rousseff é eleita. A primeira mulher a ocupar a presidência da República no Brasil

Grande parte da velha mídia fez um papel que beirou o ridículo na cobertura eleitoral. Escondendo dados desfavoráveis ao candidato que representavam, distorcendo informações, publicando meias-verdades ou mentiras e, é claro, insistindo na velha fórmula do apartidarismo, imparcialidade e isenção – talvez a maior mentira contada aos espectadores e leitores – por isso, digo que essa parte da mídia (com exceção do Estadão e da Carta Capital) ficou enrustida com relação à escolha de seu candidato. Dilma foi engolida a seco e as manipulações são surtiram o efeito acachapante que se esperava. Espero que nas próximas eleições, a velha mídia tome vergonha na cara e saia do armário.

Ambas as campanhas foram fracas ao discutir propostas. As discussões foram focadas em temas menores, como aborto e religiosidade dos candidatos, além de ataques pessoais. Temas centrais ficaram fora do debate.

Aliás, aos padres e pastores que trabalharam na clandestinidade: não foi dessa vez que vocês encheram suas batinas de dinheiro e utilizaram-se da fé e da boa-fé dos fiéis com sucesso.

Agora, é torcer para que seja feito um bom governo e acompanhar de perto suas ações. Que venha o Brasil pós-Lula, aquele que não tem José Serra na capa, mas sim, Dilma Rousseff.

Anúncios

Sobre Diego Moura

Jornalista com experiência em comunicação corporativa na área de mineração e assessoria de imprensa em organização pública. Um dos autores do livro-reportagem "Não foram apenas as unhas - As mulheres no inferno da ditadura". Atualmente, tem interesse em trabalhos em redação e cobertura jornalística. É autor do blog "Textos para pensar".
Esse post foi publicado em Blogosfera, Cotidiano, Cultura, Esportes, Jornalismo, Mídia, Política e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s