Novo mundo

Boa noite, pessoas! Estive ausente, mas voltei (espero que tenham notado minha ausência…). Peço desculpas aos leitores. Além de tempo, estive buscando inspiração para escrever. Notem que mudei novamente o “template” – a cara – do blog. Acho que ficou mais agradável de ler.

Mas vamos à substância. Apesar de estarmos quase chegando na metade do primeiro semestre de 2010 não descrevi com maiores detalhes minha entrada na Universidade. Os amigos mais antigos (leia-se: colégio) e familiares souberam com grande detalhamento. No primeiro dia o Trote Solidário: atividade promovida pelo Mackenzie para integrar os “bixos”. Segundo dia apresentação do curso, inclusive conhecemos os figurões, aqueles que realmente comandam a Universidade. Oficialmente as aulas se iniciaram dia 10 de fevereiro. Mas esta quarta feira que seria como outra qualquer, foi o dia do trote por parte dos veteranos. O resultado já é conhecido: sujeira e roupa rasgada. Dia inesquecível. Raspei minha cabeça inclusive.

Alguém pode se perguntar o por quê dessa introdução, de fatos que aconteceram em fevereiro, ou seja, há dois meses. É necessária para que eu explique meu sentimento atual. Ao chegar lá, no primeiro dia de aula, me senti pequeno e envergonhado. Tal como no mesmo mês de 1999, quando entrei na primeira série. Muitas pessoas diferentes, nenhum conhecido de longa data – amigo ou professor. Um mundo totalmente novo. As lembranças do colégio ainda muito vivas na mente.

Nesse momento, as lembranças que tenho da minha escola, que foi meu mundo por onze anos, já estão mais distantes. Só restaram na minha mente os fatos mais marcantes, as pessoas inesquecíveis – amigos e amigos-professores. O típico dia-a-dia escolar se foi. Os grandes amigos e os belíssimos momentos permaneceram. As apostilas foram substituídas por inúmeros livros, textos “xerocados”. Os trabalhos estão cada vez mais complicados, e a quantidade é cada vez maior. Sem contar as provas.

Nesses dois meses, passei de um aluno recém saído do ensino médio a universitário. Mas as complicações só trouxeram benefícios: mais amigos. Não tão de longa data, mas já tão queridos quanto. Um novo universo. Por meio dos inúmeros trabalhos e das aulas podemos compartilhar pensamentos, risadas, conhecimento. Posso dizer que é como se já os conhecesse há muito!

O sentimento de meus amigos de longa data que também passaram por esse choque na transição é o mesmo que o meu: sinto que sempre estive fazendo isso, apenas isso. O mundo da Universidade parece ter feito parte da minha vida desde…sempre!

Anúncios

Sobre Diego Moura

Jornalista com experiência em comunicação corporativa na área de mineração e assessoria de imprensa em organização pública. Um dos autores do livro-reportagem "Não foram apenas as unhas - As mulheres no inferno da ditadura". Atualmente, tem interesse em trabalhos em redação e cobertura jornalística. É autor do blog "Textos para pensar".
Esse post foi publicado em Vida do Disimo. Bookmark o link permanente.

5 respostas para Novo mundo

  1. Camila disse:

    Oieee di! nossa adorei sua introduçao e concordo com vc! qnd sai do colegio,nao fui direto pra faculdade…fiz cursinhu..enfrentei varias coisas..fiz amizades verdadeiras,conheci pessoas q nao mudaram nada em minha vida…tbm fkei sozinha,envergonhada,me perguntando o q faltava pra acontecer em minha vida? momentos em que eu queria jogar tudo pro alto e desistir…momentos em que eu queria volta pro aconchego do meo colegio! mas agora eu vejo e agradeço muito por tudo q passei…amadureci,aprendi mto mais,conheci pessoas especiais e hj ta tudo diferente…tenhu uma nova visao pro mundo! e c nao fosse tudo isso,nao sei c iria consrguir enfrentar uma universidade mesmo! mas entendo o q vc ker dizer! e o melhor eh q fomos acolhidos com mto carinho e alegria pela faculdade! e isso dexa a gente mais confortavel e pronto pra encarar tudo: provas,trabalhos,pessoas chatas…essas coisas sao chatas e dificies? sao mas c nao fossem,nao teria a menor graça tbm! e agradeço por ter entrado este ano na facul…pq conheci pessoas legais,estou numa sala super legal,pessoas descontraidas,dinamicas,q sabem brincar na hora certa e sabem trabalhar na hora certa!!!
    Muito dez seu texto!!!

  2. Prof Toni disse:

    Bela introdução… e pensar que outro dia mesmo eu te sacaneava com goiabada só pra ver sua carinha de buchechas enormes estranhando o sabor doce… (essa foi de propósito, só pra ver o que os teus colegas de faculdade falarão…)

  3. Daniela disse:

    Ahh que lindo, me emocionei. Esse mundo universitário deve ser mesmo magnifico! Mal vejo a hora de poder experimentar! Meu destino não foi tão certo quanto o seu, e infelizmente (ou não xD) eu ainda não sou uma universitária… mas só em pensar nesse climão de novo universo, novas responsabilidades… me bate um frio na barriga! Di, aproveita! Meus professores do cursinho sempre falam: o primeiro ano da universidade você leva “na boa”, lá pelo terceiro ano até o fim que o “bicho pega”, mas que esses, são sem dúvida, os melhores anos da vida de uma pessoa!
    Ps: Se o bicho já tá pegando, imagina daqui a uns 3 anos, hein?
    HAHAHAHAHAHAHAHHA

    Boa sorte, e aproveitaaa!

  4. Monica disse:

    Lindo texto !
    Acho que todos passaram por situações parecidas. Esse texto me fez refletir por tudo que também passei até chegar a faculdade, que apesar das dificuldades, as coisas boas prevalecem.

    HAHA…que história é essa da goiabada?? hahaha

  5. Cary disse:

    ahh que bom ouvir isso, me deixa menos nervosa para minha vez.Será que ano que vem vou estar lá estudando com vc tbm?Espero ter pelo menos essa alternativa XD.

    Boa sorte e vamos que vamos, tenho certeza que vc será um ótimo jornalista.
    ;**

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s