Teatro Municipal – São Paulo

Muitos reclamam que a população não tem acesso à “cultura refinada”, como óperas, concertos e balé. Inclusive, julga-se ,erroneamente, como cultura para ricos, onde o pobre não pode entrar. Se pode-se gastar 20 reais em uma entrada de cinema para ver os enlatados estadunidenses e comer um lanche no Mc’Donalds, por que não gastar esses mesmos 20 reais (ou 10 reais, a meia-entrada) para conhecer um pouco mais de música erudita e arquitetura, além de aprender um pouco mais sobre a história de nossa cidade?

Ir ao Teatro Municipal é uma experiência incrível. Ir ao Centro de São Paulo é caminhar pela História. Os contrastes são visíveis já na chegada, às portas do Teatro. A polícia retira um homem sujo e mal-vestido que parece embriagado ou sob efeito de qualquer outra droga da frente do prédio do Municipal, em meio às pessoas vestidas com sobretudos e roupas “de festa”.

Diria que a região Central da cidade de São Paulo, se fosse totalmente reformada, ficaria impecável.

As construções antigas, muito diferentes das atuais, quase não empregam vidros nem metais na fachada, quase somente pedra. A riqueza de detalhes é impressionante também. Dentro do Teatro, a iluminação é aconchegante e rica. As obras de arte que enfeitam o prédio são maravilhosas. E o prato principal: a música.
Mesmo para quem não gosta de música clássica/erudita a visita é ótima, pois faz você se sentir na fundação do Teatro. Faz você imaginar quem já passou por ali. Os grandes burgueses que contruíram o prédio para mostrar sua imponência enquanto classe. A tentativa de se igualar aos europeus.
Para saber mais sobre a história do Teatro Municipal clique aqui.
O preço é acessível a todos, o maior problema é chegar lá: da região do Campo Limpo até o Teatro, minha tia e eu, gastamos 1 hora e 30 minutos. Consulte a programação para fazer uma visita.
Anúncios

Sobre Diego Moura

Jornalista com experiência em comunicação corporativa na área de mineração e assessoria de imprensa em organização pública. Um dos autores do livro-reportagem "Não foram apenas as unhas - As mulheres no inferno da ditadura". Atualmente, tem interesse em trabalhos em redação e cobertura jornalística. É autor do blog "Textos para pensar".
Esse post foi publicado em Cotidiano, Músicas, Vida do Disimo. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Teatro Municipal – São Paulo

  1. Yell. disse:

    Alguns acreditam que a cultura precisa se renovar, se adaptar aos novos tempos. Aquele papo da criatura se ajoelhar diante do criador… coisa do novo milênio… vai entender…

  2. Disimo disse:

    Alguns querem que as pessoas engulam a cultura do funk. Isso eu me recuso a fazer.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s